O lucro dos Correios e sua visão para o futuro

Na última semana os Correios anunciaram que houve um registro de lucro no valor de R $3,7 bilhões, recorrente do ano passado, esse valor é considerado 100% maior do que foi observado no ano de 2020, e tudo isso representa um crescimento aproximado de 113% quando comparado ao ano anterior. O lucro líquido assumido foi de R$2,3 bilhões. de acordo com os relatórios financeiros esse resultado só foi possível porque houve uma economia aproximada de R $1,4 bilhão decorrente de licitações e gestão de contratos que possibilitaram ampliar a capacidade de colaboradores que também receberam treinamentos a distância. O evento da Black Friday foi mencionado como um destaque de performance no período analisado.

O volume de encomendas recebidas girou em torno de 18,9 milhões, onde 3,4 milhões foram registradas em apenas um dia. Tendo em vista o crescimento exponencial das plataformas de E-COMMERCE e marketplaces, as encomendas internacionais juntamente com as nacionais aumentaram em 40%. Diante desse cenário, os Correios, representado pelo atual presidente, Floriano Peixoto Vieira Neto, afirmou que já está nos planos da empresa desenvolver e se tornar, também, uma plataforma de marketplace. Segundo o presidente dos Correios, esse objetivo de competir juntas as demais empresas do setor é uma forma de provar a expertise, capilaridade e recursos que os correios possuem, e até o fim de 2022 esse ambiente poderá ser disponibilizado,

Hoje, muitas pessoas não percebem ou se deixam levar por opiniões construídas distante dos fatos, mas contra fatos não há argumentos. Os correios detém o maior poder logístico do país, com uma infraestrutura e experiência ímpar, que só foi possível devido aos anos de práticas no mercado. Não à toa, muitos transportadores ainda batalham e seguem sem sucesso para atender toda demanda latente no setor de comércio eletrônico. Os correios alcançaram um espaço que ninguém conseguiu até hoje, por essa razão os seus planos para o futuro são desmistificar de uma vez por todas o quanto ele é relevante e indispensável para as operações logísticas no país.


16 visualizações0 comentário